SILVA & SILVA INTELIGÊNCIA JURÍDICA PARA VENCER

Decisão do STJ não obriga plano de saúde de arcar com exames no exterior

HomeNotíciasDecisão do STJ não obriga plano de saúde de arcar com exames no exterior

Decisão do STJ não obriga plano de saúde de arcar com exames no exterior

De acordo com o que diz o artigo 10 da Lei dos Planos de Saúde – Lei que estabelece as exigências mínimas e as hipóteses obrigatórias de cobertura – as operadoras de planos de saúde não são obrigadas a cobrir custos de exames feitos no exterior.

E partir deste entendimento que a 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça deu provimento ao recurso de uma seguradora de Dourados (MS) para julgar improcedente o pedido de restituição de gastos com exame feito no exterior, assim como dispensar do pagamento de indenização de R$ 6 mil por danos morais.

Segundo a relatora do recurso no STJ, o artigo 10 da Lei dos Planos de Saúde deixa claro em relação aos procedimentos e a cobertura dos planos, que normalmente as operadoras atuam exclusivamente dentro do Brasil, fazendo ressalva a casos na qual o plano escolhido cobre lugares específicos. Além disso, a lei criou uma disciplina que exige a indicação clara em relação a área de abrangência geográfica.

A ministra destaca que o plano de saúde estabeleceu expressamente a exclusão de tratamentos realizados em territórios internacionais, deixando como uso exclusivo em território brasileiro. De acordo com o entendimento da ministra, não houve abuso na decisão.

“Vale dizer que a procura da elucidação diagnóstica da doença pode ocorrer pelos meios disponibilizados em território nacional, não se considerando abusiva a conduta que limita o âmbito geográfico da cobertura assistencial, conforme dispositivo contratual celebrado para a prestação dos serviços de atenção à saúde”, afirmou.

Fonte: Conjur

WhatsApp chat